16/01/2019 Notícia

Direção confortável

total_direcao-_v1_r1-lado-esquerdo.png

Seja para curtas ou longas distâncias, em cidades, estradas ou até no off-road e independentemente do tipo do carro, manter uma boa postura e o carro regulado (bancos e retrovisores) são requisitos fundamentais para garantir um trajeto mais confortável e seguro, evitando, inclusive problemas crônicos de coluna ou qualquer outro tipo de estresse físico.

Com um banco bem regulado, por exemplo, o condutor consegue diminuir a tensão dos ombros, costas e pernas de uma só vez, além de garantir a força e a angulação necessárias para segurar o volante e executar manobras mais bruscas, quando necessário.

Tudo isso pode parecer bastante óbvio agora, mas você sabe como fazer essa regulagem corretamente? Se estiver em dúvida tudo bem, porque vamos te dar umas dicas de como realizar esses ajustes!

Antes de começarmos, é importante lembrar que não existe apenas uma posição ideal de ajuste. Você vai ter que testar algumas para ver qual posição te deixa mais confortável e, em alguns casos, até variar a configuração de alguns itens para colocar outras partes do corpo em ação. Posto isso, vamos ao primeiro item:

Posição do banco

O banco pode ser ajustado quanto à distância dos pedais, angulação do encosto e, em alguns casos, de acordo com a altura em relação ao assoalho. Quando tiver essa última opção, o ideal é colocar uma altura em que o joelho possa ser projetado num ângulo de 90 graus para fora do banco, evitando assim o contato da panturrilha e da parte posterior do joelho no banco. Na sequência, o ideal é ajustar a distância dos pedais. Aqui o indicado é regular a uma distância em que a perna após pressionar o pedal do acelerador e freio até o fim, fique levemente dobrada – e nada de deixar o joelho reto, hein! Por fim, ajusta-se à angulação do encosto, que deve englobar as costas inteiras e ainda deixar o motorista a uma distância confortável do volante. Para medir, coloque as mãos um pouco afastadas no topo do volante se o braço ficar levemente flexionado, as costas se manterem no banco, e você estiver enxergando o painel sem problemas, você acertou!

Cinto de segurança

O cinto é indispensável para sua segurança e locomoção, mas apenas afivelá-lo não é o suficiente. Você precisa colocá-lo da maneira correta! O cinto deve passar pelo meio do ombro, nem muito acima batendo no pescoço, e nem abaixo batendo no braço.

Em muitos carros, você pode ajustar a altura do cinto e resolver isso, mas em outros, o suporte é travado. Nesse caso, a regulagem deve ser feita no banco (levando sempre em consideração as dicas acima).

Retrovisores

Com sua posição bem definida, é hora de configurar os retrovisores. Comece pelo interno, deixando-o a uma altura capaz de visualizar todo o ambiente por trás do para-brisa traseiro. O ideal é que você consiga ter esse ponto de vista quando estiver com a cabeça apoiada no encosto do banco (posição que você deve manter na maior parte da viagem). Em seguida, é hora de mexer nos externos, que devem ser alinhados ao horizonte e mostrando o mínimo possível da carroceria a fim de evitar pontos cegos.

Cuidados extras

Seguindo os passos acima, você já está pronto para uma viagem confortável e segura, mas sempre dá para melhorar e evitar desgastes desnecessários! Lembre-se sempre de descansar bem antes de uma longa viagem, leve água e alguma coisa para comer. Após duas ou três horas do percurso, também é recomendado dar uma parada para alongar e diminuir a fadiga.

Conhecer o carro também é interessante, e faça sempre uma revisão mecânica para saber se está tudo funcionando bem. Afinal, não é só conforto, é também sua segurança e a de todos que estão no carro!

Aliás, vai viajar? Veja as dicas que te daremos para você se preparar para sua viagem!

E aqui vai um pouco de mecânica automotiva!